Como alguém disse anteriormente, o marketing directo não é ilegal, mas creio que a forma como a empresa anuncia a função o é, porque leva a crer que é um emprego normal de vendedor/comercial(ou do que quer que seja) e depois afinal já é "por conta própria", sem hora de sair. Já para não falar nas sessões diárias de brainwashing e da pressão psicológica que fazem e incitam os colaboradores a fazer aos potenciais clientes.
Vinícius Gonçalves é Administrador de Empresas pela Universidade Estadual de Goiás, Coach pela Sociedade Brasileira de Coaching, atuou na Algar Telecom, SEBRAE e vários pequenos negócios, aficionado por criação de negócios, gestão e mentalidade empreendedora. Também criou o Kit Como Abrir Um Negócio, o qual já contribuiu com mais de 8 mil empreendedores em vários países.
Dica para equilibrar trabalho e maternidade: “Muitas mulheres passam a querer empreender depois da maternidade. Para ter equilíbrio, delegue! Posso dizer que, no meu caso, tudo tem dado certo porque posso contar com uma rede de ajuda incrível. Tanto para cuidar da minha filha, como do negócio. Não tentem fazer tudo sozinhas. A maternidade não tem nada a ver com solidão e, sim, com solidariedade. Aceitem ajuda de familiares, babás, escola… Porque na hora H, para o cliente, pouco importa se você tem filhos e ainda tem uma casa para organizar. É preciso cumprir um prazo! Empreender significa ter responsabilidade, justamente para que seja uma solução e não um novo problema”.

Cada vez mais mulheres optam por trocar as responsabilidades do mundo corporativo por uma nova e ainda mais árdua, ainda que deliciosa, função: ser mãe.  Mas o tempo passa, a licença-maternidade acaba, e aquela vontade de voltar ao mercado de trabalho aumenta na mesma proporção a coragem de deixar o bebê diminui. O dilema comum é resolvido de maneira prática por muitas mulheres: trabalhar em casa. CRESCER conversou com quatro mães empreendedoras que abriram negócios que funcionam pela internet para acompanhar a maternidade de perto. Inspire-se e tire sua ideia do papel!
×