Se lhe está a correr bem, óptimo. A principal questão que se coloca aqui é a honestidade e a ética, que não existem! Numa empresa séria as pessoas vão a entrevistas e são seleccionadas com base no seu perfil, isto é, se aparentam ser os candidatos certos. No caso desta empresa, os entrevistadores dizem que só têm uma vaga e, quando lhes é perguntado se há um tempo à experiência(como em qualquer emprego), dizem que não porque, precisamente, só escolherão o candidato que têm a certeza que seja capaz de desempenhar as funções em causa - que não são andar de porta em porta, claro que não! Se bem que eu tive a oportunidade de ver a assistant manager várias vezes a fazer isso, mas enfim...mentem acerca de tudo, incluindo horários, contratos e remunerações, de tão desesperados que estão para construir equipas, porque o que recebem provém mais das vendas daqueles que recrutaram do que propriamente das vossas - e as desistências são tão comuns que têm que andar sempre à procura de mais pessoas, às quais aplicam as técnicas de venda que depois ensinam, para que as utilizem com os clientes. Que tipo de trabalho tem que ser vendido ao candidato? Normalmente é ao contrário! E que tipo de empresa em expansão e bem conotada em vários países muda nome com tamanha frequência?

Quanto ao comentador que procura uma mulher a dias com salário ao mês e tudo o resto: limpar sanitas não é mais nem menos vergonhoso que ser vendedor porta-a-porta, mas trabalhar com comissões e independência fictícia está muito abaixo daquilo que o nosso povo conquistou. Qualquer Zara ou McDonalds(para falar das empresas em que vocês mais baseiam os vossos argumentos) trabalha com contratos e horários de acordo com a lei. Podem pagar o salário mínimo, mas pelo menos esse é garantido.
O Infojobs reserva-se o direito de remover qualquer Conteúdo do Usuário ou parte dele que, a critério exclusivo do Infojobs, infrinja as regras de publicação anteriores ou qualquer outra obrigação contida nestas Condições Legais. Se você considerar que um Conteúdo de Usuário não cumpre as disposições desta seção, entre em contato com nossa equipe de atendimento ao cliente para que possamos ter a oportunidade de analisar e considerar, se necessário, sua eliminação.
O dinheiro transferido é conseguido pelos burlões através do acesso a contas com dados roubados. "Este interveniente torna-se assim também vítima, sendo enganado e colaborando com os cibercriminosos sem o saber", diz ao DN Rui Lopes, director técnico da Panda Security Portugal, empresa especializada em segurança informática. As autoridades podem assim aceder ao interveniente contratado, mas nunca aos cibercriminosos, incidindo sobre o contratado a culpa pelo ilícito.
Salvo o que for autorizado por Infojobs ou, em seu caso, pelos terceiros titulares dos direitos correspondentes, ou a menos que isso seja legalmente permitido, o usuário não poderá reproduzir, transformar, modificar, desmontar, desunir, realizar engenharia inversa, distribuir, alugar, emprestar, colocar à disposição ou permitir o acesso ao público através de qualquer modalidade de comunicação pública de nenhum dos elementos referidos no parágrafo anterior.
Nos formulários de Registro onde são recolhidos dados de caráter pessoal, serão assinalados os distintos campos cuja conclusão seja necessária para o registro correspondente. Assim, salvo que se indique o contrário, as respostas às perguntas sobre dados pessoais são voluntárias, sem que a falta de resposta às referidas perguntas implique um declínio na qualidade ou na quantidade dos serviços correspondentes, a menos que se indique outra coisa.
Enviei o meu currículo através do site "Empregos Online" e fui contactada no dia seguinte para marcação de entrevista. Perguntei a quem me deveria dirigir quando chegasse ao local e informaram-me de que só teria que dizer que vinha para entrevista, pois esta seria realizada pelo director. Solicitaram-me, ainda, que levasse uma cópia do meu currículo.
Encontre itens para vender, passando um “pente-fino” em sua casa. Separe alguns dias ou um fim de semana para “limpar” e juntar tudo que não precisa, identificando itens que podem ser vendidos, doados e jogados fora. Categorize as coisas que deseja vender, já que isso facilita a saída deles em sites.[26] Outra opção é comprar produtos para revender na internet.
Privacidade alta: Terão acesso ao currículo atualizado e seus dados pessoais identificativos, unicamente aquelas empresas a cujas vagas de emprego o candidato tenha se inscrito. Assim, uma empresa para a qual tenha voluntariamente se inscrito alguma vez o candidato, poderá visualizar o currículo atualizado e completo, incluído os dados pessoais. As demais empresas, para as quais não tenha se inscrito o candidato, não terão acesso ao currículo nem aos dados pessoais do candidato, nem mesmo pelos sistemas de buscas de INFOJOBS.COM.BR.

Quando o tratamento dos Dados do Utilizador for realizado pela Volkswagen Autoeuropa com base no consentimento do Utilizador, este tem o direito de retirar o seu consentimento a qualquer momento. A retirada do consentimento, todavia, não compromete a licitude do tratamento efetuado pela Volkswagen Autoeuropa com base no consentimento previamente dado pelo Utilizador.

Mediante correspondência enviada via Correios, ao endereço mencionado no cabeçalho da presente " Política de Privacidade e Proteção de dados ", indicando o assunto "RETIRADA DE REGISTRO DA INTERNET". Na correspondência, deverão constar: O endereço de e-mail com o qual está cadastrado em nossa base de dados, a senha que utiliza para acessar nossos serviços online, endereço postal, telefone de contato, com DDD, fotocópia do C.P.F/ MF para o caso da comunicação enviada via Correios.
Cara formadora da empresa, licenciada: concordo consigo quando diz que "num país onde não há grandes oportunidades, há-que agarrar todas as que nos surgem certo?", no entanto há que ter em conta que qualquer pessoa no seu perfeito juízo procura uma oportunidade de crescer profissionalmente e, acima de tudo, de alcançar alguma autonomia financeira - ou mesmo ganhar o suficiente para satisfazer as suas necessidades básicas, como comida e habitação. Ora, esta empresa(já não sei que nome hei-de mencionar) não só não oferece quaisquer garantias, como ainda implica que o trabalhador "invista" em alimentação, deslocações, enfim, todas as despesas inerentes ao desempenho da função. 

Dada a dificuldade de encontrar na internet qualquer informação relevante acerca da empresa (que tem, pelo menos, três nomes) optei por pesquisar o nome do director e as minhas suspeitas confirmaram-se: a empresa não passa de um esquema para encher os bolsos de quem está no topo, não tanto através das vendas, mas sobretudo do recrutamento de "distribuidores" (nas três semanas em que lá trabalhei, entraram pelo menos vinte novas pessoas), que serão, também eles iludidos pela promessa de crescimento profissional e sugados por charlatães que tentam a todo o custo afastar-nos da realidade e que nos querem fazer crer que somos uns preguiçosos se o dia de trabalho não nos corre bem – mesmo depois de termos passado o dia inteiro à chuva, a bater a portas e a ouvir reclamações.
Quer saber por que usar as mídias sociais é tão importante para o seu negócio atualmente?   As mídias sociais, hoje, fazem parte da nossa rotina diária. Tenho certeza de que assim como eu, você também passa, pelo menos alguns minutos todos os dias olhando o feed de pelo menos uma rede. Elas surgiram nas últimas décadas e, sem dúvidas, vieram para ficar! Mesmo que com o tempo a atenção das pessoas mude de uma rede para outra. Hoje, elas são muitas, como Facebook, Twitter, Continue lendo→
“Quando engravidei, comecei a pesquisar tudo sobre maternidade, até porque, era um mundo completamente novo e cheio de dúvidas. Na época, comecei a publicar insights da minha gravidez no meu Instagram pessoal. E notei que as pessoas que curtiam e comentavam não eram meus amigos, nem meus familiares. Foi aí que meu marido me deu a ideia de fazer uma conta voltada exclusivamente para a minha gravidez. E fiz, sem pretensão nenhuma, o Mundo da Maria Fernanda. Só sei que, em uma semana, eu tinha mais de mil seguidores. Hoje, tenho quase 50 mil seguidores e sinto mais dificuldade do que no início. Isso porque, desde que comecei, há dois anos, teve um boom de contas no Instagram sobre maternidade, o que dividiu o público. Enquanto eu estava grávida, eu também tinha mais tempo para postar e a função me deixava ocupada: dividia com meus seguidores detalhes da decoração do quarto da Mafe, tudo sobre o enxoval, dicas para montar a mala de maternidade e também falava sobre temas voltados à saúde, como enjoo (que tive bastante) e melasma na gravidez. Eram dicas voltadas às futuras mães. Agora, falo de tudo um pouco dentro desse universo. No início, eu não cobrava publipost [posts feitos em troca de publicidade], hoje já cobro - mas apenas de novas parcerias, pois acredito que as antigas me ajudaram a chegar até aqui.  Publipost funciona assim: para que eu faça a divulgação de determinada marca ou produto, cobro um valor.
×